Você está em:

Projeto Silence

Sobre o projeto

Nas últimas décadas, a aviação civil tornou-se um importante setor econômico, logístico e estratégico em um mundo cada dia mais dinâmico e globalizado. Entretanto, tais avanços trazem consigo alguns efeitos colaterais como a intensificação do ruído de aeronaves. Este gera impactos ambientais - efeitos diretos e indiretos na saúde das populações expostas continuadamente -, econômicos - limitações operacionais, taxações e até multas -, e na estrutura regulatória do setor. Além disso, desafios tecnológicos surgem tais como novos paradigmas no projeto e na concepção de novas aeronaves. Nesse contexto, a iniciativa brasileira Aeronave Silenciosa surge em 2010 com o intuito de desenvolver as parcerias e reunir os recursos e esforços relevantes para tais.

A parte do macro projeto Aeronave Silenciosa sediado na UFSC, em parceria com o LVA e a Embraer, está em sua terceira fase. Na primeira etapa, desenvolveu-se um amplo estudo técnico e estratégico dentro do campo da aeroacústica. Na fase subsequente, foram executadas o desenvolvimento de bancadas para investigações experimentais sobre os aspectos acústico e fluidodinâmico de jatos frios e simples em escala laboratorial (RIG) para condições de número de Mach de até 0,9 e a análise e validação de diversas metodologias numéricas em Aeroacústica Computacional (CAA). Além disto, a aplicação desses esforços e resultados no sentido de estabelecer diretrizes para futuros projetos.

Atualmente, as atividades no POLO do projeto Silence, terceira fase, consistem em desenvolver simulações numéricas de jatos acústicos para a predição de ruído jato em aeronaves, aplicando metodologias híbridas em CAA através do uso de métodos de Lattice-Boltzmann (LBM) e de analogias acústicas como a da Superfície de Ffwocs-Williams e Hawkings (FWH). Além disto, o projeto atua no desenvolvimento de modelos semi-empíricos, os quais são ferramentas que propiciam a obtenção rápida e flexível de resultados acústicos em aplicações industriais, através da utilização e criação de um amplo banco de dados numéricos e experimentais em RIG. Dentre os principais tópicos de interesse, pode-se citar a pesquisa acadêmica e aplicada sobre a fenomenologia acerca do ruído de instalação, que ocorre devido a interação jato-estrutura, e o desenvolvimento de modelos semi-empíricos.

Projetos relacionados

Quero ver todos os projetos