Autor

Ernane Silva,
Murilo F. Nicoluzzi,
Marcos Rojas-Cardenas,
César J. Deschamps.


Data de publicação

01/03/2016


Categoria

#Artigos

Resumo

A fuga de gás entre a válvula de palhetas e a sede da válvula pode afectar significativamente a eficiência de compressores de refrigeração adoptadas para uso doméstico. Tais fugas são induzidos pelas diferenças de pressão entre a câmara de compressão e a câmara de sucção / descarga e ocorrem através de pequenas fendas na ordem do micrómetro, formados como resultado de imperfeições de superfície. Dadas as pequenas dimensões destas folgas, um fluxo de refrigerante rarefeito pode ocorrer em algumas condições de funcionamento do compressor. Neste caso, os fenómenos de não-equilíbrio, tais como deslizamento viscoso entre os limites de fluidos e sólidos, eles aparecem e não pode ser previsto pelo fluido-mecânica pressupostos contínuo clássicas. O coeficiente de acomodação do momento tangencial (TMAC) é um parâmetro de fluxo que devem ser consideradas a fim de descrever corretamente esses fluxos de gás rarefeito, caracterizando a troca de momento entre as moléculas do gás e da superfície. Muitos estudos fornecem o valor da TMAC, mas geralmente os resultados são limitados ao nitrogênio e gases nobres para vidro e silício microcanais. O presente artigo relata as medições das taxas de fluxo de massa e valores TMAC para R134a e R600a através de microtubos metálicos (aço inoxidável e cobre). Os resultados mostram que o deslizamento viscoso pode ocorrer mesmo em fluxos de pesados ​​moléculas poliatómicos típicas de gases utilizados na indústria therefrigeration.

Material para download

Acesso o material

Conheça o POSMEC

Saiba mais sobre um dos melhores programas de pós-graduação em engenharia mecânica do Brasil

Quero conhecer